Pesquisar este blog

segunda-feira, 25 de março de 2013

O Olho d'Água Salgado

As fotos abaixo é da comunidade Olho d'Água Salgado, área central, onde fica o grupo escolar e a capela. Olho d'Água é um dos sítios mais populosos e mais antigos de Queimadas e apresenta várias subvisões: os Cardosos, os Tavares, a pista, os Franças, em fim. Seu nome vem de um riacho de água salobra que o corta ao meio é há notícias que ele é habitado desde o final dos 1800. A exemplo do restante da área rural de Queimadas, suas terras acha-se bem fragmentada em pequenas propriedades.
 A mercearia de Galego (a época era de Zé Batista que hoje fica num ponto bem na frente do grupo escolar), a escola, o antigo posto da "TELPA" e a capela.
A exemplo de outras comunidades rurais de Queimadas, o Olho d'Água vem crescendo muito. Casas simples vão dando lugar a moradias com melhor padrão arquitetônico, como pode se ver na foto, às margens da estrada que da acesso a sítios como Verdes, Lagoa de Jucá e Angicos.
 Uma típica habitação rural de Queimadas.
 O Rio do Olho d'Água.
 O belo vale formado pelo contorno do rio onde se plantou a comunidade. Mesmo de água salobra, imprestável para o consumo humano, esse rio foi importante para a fixação das famílais no local ou nas adjacências: ele se prestava muito bem para a bebida do gado.
AS FOTOS SÃO DO ANO DE 2005 E FORAM FEITAS PELO GRANDE FOTOGRÁFO ERIVAM MIRANDA PARA A FUNDAÇÃO CARLOS ERNESTO.
Mande-nos também, fotos de sua comunidade.
UM ABRAÇO PARA ALGUNS AMIGOS DO OLHO D'ÁGUA:
Seu Abel e D. Ziza e família (d. Ziza foi uma das primeiras pessoas a fornecer material para este BLOG).
Zé Batista.
Luiz da Associação.
Biu Parasita e d. Denise (d. Denise foi minha primeira professora).
Nilson e Gerusa e toda família de S. Otávio (por extenção aos meus primos Solon e Maria que moram em Queimadas).
Ari Caboclo.
Gilson Cardoso (como também a sua irmã Dalvanira e seu Irmão Rivinha).
Galego.
Mario Cardoso e os seus.
Nezinho e a família de Antonio Baioia.
Maia.
Os amigos da família "Mané".
Zezinho de Biu Pedro.
O vereador Luciano do Rêgo.
Zé Cardoso e d. Nazira.
D. Tutinha e os seus.
Zé de Freitas.
Zé da Granja.
D. Fofa e os filhos.
Barão e os amigos da família de Neco Parasita.
Antonio de Ciço, Dalvanira e os meninos.
Antonio Precílio (tio de minha esposa).
Lenilda e outras colegas professoras.
O primo Naldo de Zé de Zuza.
Zilda e os filhos.
Beto.
Iremar.
Nego P. (de ciço) e Paulinho.
Os amigos da familia de Iaiá Parasita.
Biu Cardoso e Valci.
O muitos outros que a memória me traio.

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. parabéns quiel pelo seu blog e por mencionar nossa familia e as demais famlias do sitio ôlho Dágua, muito sucesso pra você meu primo,um grande abraço.

    ResponderExcluir
  3. parabéns quiel pelo seu blog e por mencionar nossa familia e as demais famlias do sitio ôlho Dágua, muito sucesso pra você meu primo,um grande abraço.

    ResponderExcluir